Quem sou eu

Minha foto
São Luís, Maranhão, Brazil
Eu sou um poema inacabado que ninguém nunca leu. Eu sou a paisagem daquele quadro que o pintor não terminou. Eu sou uma tarde quente de verão em que não choveu. Eu sou Aquele rio que secou Antes de alcançar o mar. Eu sou aquele sonho bonito que ninguém realizou. Eu sou a escultura quase perfeita que caiu da mão e quebrou. Eu sou aquela paixão gostosa que por medo, alguém sufocou. Eu sou o amor que alguém esperava mas nunca chegou. Eu sou metade do que eu desejava ser... o dobro do que eu nunca esperei!!!

7 de jul de 2007


Carpe Diem...

Ao inferno com tudo, ou com quase tudo!!
As vezes o saco se enche e não há nada a se fazer quanto a isso a não ser ligar o “foda-se” num volume beeeeeeeeeeem alto e relaxar... ao menos tentar!!
Fumar um cigarro .. tomar uma biritinha. Ou simplesmente ouvir aquela música que tanto se gosta!
Pensar nas pessoas que amamos mesmo que a distância... mesmo que em outra dimensão ou sei lá pra onde seja que se vá quando se morra!
É... por que as pessoas morrem. Inclusive nós mesmos!
Nós mesmos e todas as pessoas que conhecemos... cada uma delas e todas elas. Aquele cachorrinho, o totó da vizinha, também vai morrer. Pode ter certeza disso! Afinal essa é a única certeza do universo!
Por isso, meu amigo...
Não esquente muito não! chuta o pau de vez em quando! Eu disse de vez em quando... se fizeres isso sempre perde a magia, o encanto!
Não liga pra cara feia do teu chefe... da tua mulher ou do namorado... ela vai ficar menos feia. É só uma questão de tempo. Mas se não melhorar, tá na hora de trocar de parceiro ou de emprego. Por que ninguém merece nossas rugas ou os momentos que passamos aborrecido!
“Carpe Diem... e foda-se!”

Franz di Cavalcanti

*Essa mensagem expressa bem o que tenho tido vontade de fazer esses dias...rs
Beijo a todos!

Kdg

Nenhum comentário: